TikTok, Facebook e WhatsApp no ​​topo em downloads em 2020, o YouTube foi o aplicativo de streaming de vídeo número um: AppAnnie

TikTok, Facebook e WhatsApp Messenger foram os três principais aplicativos em termos de downloads para 2020 em todo o mundo, de concordância com um relatório divulgado pela empresa de estudo AppAnnie. O YouTube teve o tempo supremo gasto na categoria de aplicativos de streaming de vídeo, observa o relatório ‘State of Mobile 2021’.

Na Índia, onde o TikTok foi proibido em junho de 2020, o Facebook, seguido pelo WhatsApp e pelo Snack Video foram os aplicativos mais baixados no ano. Instagram e TikTok foram os próximos da lista. A propósito, o Snack Video também foi proibido pelo governo no final do ano.

Nos jogos, Free Fire Garena foi o mais baixado, seguido por Between US e Subway Surfers globalmente. Na Índia, porém, o jogo mais baixado foi Ludo King, seguido por Carrom Pool e Hunter Assassin. Ludo King também estava no topo quando se tratava de usuários ativos mensais na Índia, embora PUBG Mobile fosse o número dois, seguido por Free Fire.

Free Fire estava em quarto lugar na lista de jogos mais baixados na Índia em 2020. Oferecido o quão famosos jogos porquê Ludo se tornaram durante o bloqueio na Índia em 2020, não é surpreendente vê-lo surdir porquê o jogo mais baixado do ano. Outrossim, o PUBG Mobile também foi proibido na Índia em setembro de 2020.

As estatísticas de tempo gasto em aplicativos de streaming de vídeo para a Índia. (Crédito da imagem: relatório AppAnnie)

Em streaming de vídeo, o YouTube foi o aplicativo de streaming de vídeo número um em tempo gasto entre todos os mercados analisados, exceto a China, onde os serviços do Google não estão disponíveis, observa o relatório. O YouTube também comanda o mercado em tempo médio gasto por usuário por mês.

Na Índia, o YouTube foi o aplicativo de streaming número um com 26,5 horas por mês em média quando se tratava de tempo totalidade gasto, seguido por MX Player, Hotstar, Netflix e Amazon Prime Video. A lista exclui aplicativos de streaming de notícias e esportes. Globalmente, o YouTube teve um aumento de até 6 vezes no tempo gasto por usuário em conferência com o próximo aplicativo mais próximo, e seu consumo foi de até 38 horas por mês.

O relatório também observa que o TikTok também começou a invadir o espaço de streaming de vídeo e o aplicativo representa uma ameaço competitiva. Mas o impacto da proibição da Índia também foi visto no TikTok, onde houve um declínio. De concordância com os dados da AppAnnie, o MX Player foi o aplicativo de streaming de vídeo da Índia em 2020.

Aplicativos porquê o Tinder e Disney + Hotstar estavam no topo em termos de gastos do consumidor na Índia. (Manadeira da imagem: AppAnnie)

Os dados também mostraram que globalmente tem havido um interesse crescente no transacção social com aplicativos porquê Pinterest e Instagram, tendo seus downloads aumentados em 50 e 20 por cento, respectivamente, ano a ano.

Com relação aos aplicativos de entrega de comida, enquanto a maioria dos países no mundo teve um desenvolvimento de dois dígitos perto do início da pandemia, a Índia teve um declínio inicial devido ao bloqueio severo, que fez com que a maioria dos restaurantes e empresas de vitualhas fossem fechadas. No entanto, a entrega de vitualhas aumentou novamente quando o bloqueio terminou na Índia, observa o relatório.

A Índia também viu um salto no tempo gasto em negócios, porquê aplicativos porquê Zoom, Google Meets e Microsoft Teams. Na Índia, o tempo gasto em aplicativos de negócios se aproximou de 3 bilhões de horas em telefones Android exclusivamente no terceiro trimestre de 2020. Os principais aplicativos em termos de gastos do consumidor na Índia foram Tinder, Disney + Hotstar, Google One, Truecaller, Netflix e Udemy. Os principais aplicativos em termos de usuários ativos mensais foram WhatsApp, Facebook, Truecaller, Facebook Messenger e Amazon com Instagram em sexto lugar.

Deixe um comentário